Como fazer cotação para transporte de carga? Descubra aqui

Artigos

cotação para transporte de cargas

Escrito por Ana Beatriz

Data: 04/04/2018

Saber como fazer cotação para transporte de carga é um dos pontos primordiais para qualquer empresa que tenha a logística como um dos pilares da sua atuação. Essa etapa de precificação dos serviços é o que garante a sua correta remuneração — considerando as inúmeras variáveis que podem incidir entre uma remessa e outra —, além de evitar custos desnecessários com transportes.

Embora essa seja uma tarefa essencial na rotina de um gerente logístico, ainda existe uma série de dúvidas a respeito da realização da cotação ideal, sobretudo em relação aos itens que se deve considerar nesse momento.

Por isso, com o intuito de tornar esse expediente mais simplificado, neste post vamos apontar, de forma prática, quais as variáveis devem ser inseridas na cotação do transporte de carga, a fim de que o preço final seja vantajoso para a sua empresa. Acompanhe!

Planejamento do transporte

A etapa mais importante da cotação do transporte acontece antes mesmo de você fazer contato com diferentes transportadoras. Isso porque, anteriormente a qualquer ação, é indispensável se ter um planejamento acerca da remessa, avaliando suas características físicas, destino, rota e condições específicas que possam afetar o valor do transporte.

Sendo assim, o ideal é que você elabore um planejamento e nele inclua todas as variáveis que possam incidir sobre o deslocamento. A exemplo, além dos pontos já citados é fundamental incluir informações como:

  • dificuldade de acesso ao destino, principalmente pelas condições das rodovias;
  • período em que o transporte será feito — isso, porque existem épocas em que a demanda aumenta, como no final do ano, e os custos podem subir;
  • tipo de carga;
  • tributos incidentes sobre a carga e o serviço;
  • fluxo de remessas a serem realizadas, entre outros.

Todos esses quesitos podem afetar os valores das cotações, logo é fundamental sempre informá-los. De maneira semelhante, o preço do combustível também é um elemento de grande importância no planejamento, sendo um dos primeiros argumentos para justificar os custos da transportadora.

Análise de carga para a definição do transporte ideal

Feito o planejamento inicial, certamente você chegará a algumas conclusões. Uma delas é qual o tipo de transporte ideal para uma carga determinada. Nesse sentido, vale destacar que cada remessa pode possuir características distintas, exigindo um transporte mais ou menos específico.

Por exemplo, para cargas mais leves, talvez não se exija um caminhão articulado, com maior capacidade de carga. Nesse caso, pode ser empregado um veículo de porte médio, cujos custos operacionais são menores — como o consumo de combustível, seguro, manutenção etc. —, o que certamente refletirá no valor da cotação do transporte.

Deste modo, como se percebe, é fundamental elaborar um planejamento, afinal, é a partir dele que você terá um suporte informativo mais claro e objetivo para negociar com as transportadoras, chegando a um serviço de qualidade e custos alinhados à necessidade da sua empresa.

Realizar cotações em diferentes transportadoras

Seguindo com as nossas dicas, uma medida que não pode faltar em uma cotação de qualidade é a consulta a diferentes prestadores de serviços. Essa é, na verdade, uma das ações mais corriqueiras e básicas para se chegar a um valor justo e competitivo.

O mercado de transportes é vasto, são inúmeras empresas atuando nesse ramo. Toda essa competitividade pode ser utilizada a seu favor. Assim, pesquisar e cotar os serviços com diferentes companhias é uma das medidas mais estratégicas que você pode adotar para compor um valor que atenda a necessidade da sua empresa.

Não há segredo nessa etapa. O foco aqui é avaliar os preços praticados no mercado por diferentes transportadoras — no mínimo três —, para se ter uma compreensão mais ampla dos custos e, então, contratar aquele que melhor atenda a demanda.

Contudo, é importante mencionar que a cotação mais baixa nem sempre é a mais indicada, pois a qualidade e reputação da empresa contratada também deve ser avaliada.

Avaliar a distância percorrida

A distância percorrida em um transporte é, sem dúvida, um dos mais relevantes critérios para a cotação desse tipo de serviço. Por isso, é indispensável que você já tenha em mente qual será a quilometragem da(s) remessa(s) que pretende encaminhar.

Essa é a informação chave para que você consiga negociar com mais clareza com as transportadoras, pois muitas delas já possuem uma tabela fixa com custos para as distâncias médias, mas que nem sempre condizem com os valores praticados no mercado.

Saber exatamente o valor da nota fiscal

Ao realizar a cotação, muitos gestores e gerentes logísticos focam apenas nas características físicas da carga, deixando de considerar um ponto primordial nessa tarefa: o valor constante na nota fiscal.

Sabemos que as características físicas da carga, como peso e natureza, são determinantes para a fixação do custo do frete, porém, o valor indicado na nota fiscal da carga também gera um impacto na cotação. O motivo disso é que cargas valiosas representam mais despesas para a transportadora, a exemplo dos gastos com o pagamento do seguro da carga.

Além disso, lidar com remessas de alto valor exige um gerenciamento mais elaborado por parte da transportadora, seja definindo as melhores rotas — o que nem sempre significa que são as mais curtas —, de modo a evitar locais com maior incidência de roubos ou aqueles em que as condições da rodovia não sejam adequadas.

Avaliar os diferenciais da transportadora

Por último, mas igualmente relevante, para fazer uma cotação eficiente é muito importante avaliar os diferenciais competitivos da empresa que prestará o serviço de transporte. Afinal, embora o custo dessa operação seja importante, existem outras variáveis que devem ser analisadas na hora da escolha do prestador de transportes.

Trabalhar em parceria com empresas experientes e que dispõem de infraestrutura, veículos e tecnologia adequada para garantir a qualidade do transporte, pode representar uma grande economia para a sua empresa. Isso porque os riscos de ocorrências indesejadas, como acidentes, atrasos e avarias nas mercadorias serão reduzidos, reforçando ainda mais a satisfação dos seus clientes.

Por fim, entender como fazer cotação para transporte de carga é uma ação altamente estratégica para empresas que lidam diariamente com a missão de deslocar produtos. Quando bem realizado, esse processo pode gerar uma economia significativa para os cofres da empresa e, mais do que isso, garantir a qualidade e eficiência nas suas operações logísticas. Pense nisso!

Gostou desse post? Quer manter-se informado com as nossas novidades e conteúdo? Siga as nossas páginas nas redes sociais. Estamos esperando você no Facebook, LinkedIn, YouTube e Twitter!

FAÇA UMA COTAÇÃO COM A CARGOX

Compartilhe: