CargoX comemora a marca dos primeiros 3.000 embarques sem registro de sinistros

Escrito por Ana Beatriz

Data: 01/06/2016

Tecnologia, treinamentos, monitoramento e metodologia são os diferenciais responsáveis pelo bom desempenho de segurança  mesmo com volume de embarques.

São Paulo, junho de 2016 – Lançada em março deste ano e considerada como a ”Uber dos caminhões”, a CargoX  – primeira transportadora do País impulsionada por tecnologia e inovação, e que opera conectada a uma rede de mais de 100 mil caminhoneiros autônomos – anuncia a marca de 3.000 embarques  sem qualquer sinistro. Isto quer dizer que a companhia não teve acidentes ou roubos registrados nos fretes realizados para seus clientes. 

No Brasil, nos últimos quatro anos, o aumento do furto de cargas foi de 42%, e só nos últimos dois anos, houve um prejuízo anual de R$ 2 bilhões, de acordo com dados do levantamento da Associação Nacional do Transporte de Cargas & Logística (NTC&Logística). Outro dado alarmante é a taxa de mortes no trânsito, que corresponde a 23,4 para cada 100 mil habitantes, segundo estimativas  da OMS (Organização Mundial de Saúde). Pensando nesses desafios do modal rodoviário, a CargoX investiu em tecnologia de ponta para garantir um desempenho satisfatório de proteção para os profissionais e o carregamento. 

Para estabelecer contato com a sua rede de motoristas autônomos sobre as melhores oportunidades de cargas e rotas, a CargoX possui um aplicativo próprio, de uso interno. Por meio de algoritmos, a transportadora cruza os dados gerados diariamente e estabelece os melhores trajetos, priorizando a segurança e a otimização de percurso. De acordo com Alan Rubio, diretor de logística CargoX, o bom desempenho é atribuído à gestão do negócio e ao foco em gerenciamento de riscos. “Nós utilizamos as informações produzidas por nosso BI para estabelecer procedimentos durante o transporte, para trazer mais segurança. A tecnologia e o big data são fortes aliados em nossa operação”, esclarece.  

Para Rubio, outro diferencial para garantir a segurança dos caminhoneiros contra acidentes e furtos de cargas nas estradas é realizar a reciclagem de seus profissionais com frequência, por meio de ações sobre transporte, avaliações de desempenho dos condutores e orientação constante, além da gestão da frota dos caminhoneiros que carregam com a transportadora. “Os veículos passam por uma inspeção rigorosa que visa analisar todos os itens de segurança do veículo e o estado de conservação. A condição do caminhão tem impacto direto no aumento ou redução dos índices de acidentes”, informa o executivo.

Mesmo com os números crescentes de incidentes nas estradas brasileiras, a companhia pretende manter os resultados obtidos agora com relação à segurança no transporte de suas cargas. “A CargoX  está feliz com os resultados e vai continuar investindo nas melhores tecnologias para poupar o motorista e o embarcador de possíveis imprevistos. O nosso objetivo é fornecer um serviço de transporte inovador, de qualidade e seguro aos nossos clientes ”, assegura Alan Rubio.